11/12 – J.J.Carol Lança “Samuel Kruchin: Arquitetura” na casa Tegra

Livro apresenta quinze projetos concluídos e estudos recentes desenvolvidos pelo arquiteto Samuel Kruchin em abordagem inovadora,como narrativa visual contextualizando cada projeto em seus contextos específicos.

São Paulo, 2018 – No próximo dia 11/12 será lançado na Casa Tegra, em São Paulo, o livro “Samuel Kruchin: Arquitetura”. Editado pela J.J.Carol, a obra apresenta imagens, plantas, desenhos e textos de quinze projetos concluídos e alguns estudos recentes desenvolvidos pelo arquiteto Samuel Kruchin, titular da Kruchin Arquitetura.

Com projetos que datam de 1986 – como a primeira fase da Residência Capobianco – até os dias de hoje, o livro evidencia o percurso do trabalho do arquiteto, que assina projetos que atendem aos mais diversos programas e escalas, de shoppings centers a complexos arquitetônicos com diferentes usos.

“Certa vez perguntaram-me sobre meu primeiro projeto e lembrei-me de uma pequena história: havia em meu quarto de adolescente uma parede onde pendurava uma série de coisas estranhas, esquisitas, que me interessavam, mas não conseguia que aquilo tudo, tão desconexo, se convertesse em algo minimamente harmonioso. Foi uma luta contra a parede. Quando, após muitos dias, e noites, por fim, um último antigo azulejo achado pela rua encontrou o seu lugar e tudo aquilo – a pequena parede e seus objetos esquisitos – transfigurou-se como que por encanto, por magia, e tudo em torno dela vibrou, foi um imenso susto. Entendi o que era um projeto”, afirma Kruchin.

Praça Pamplona, nos Jardins, e Power Center Regente Feijó, na Zona Leste de São Paulo. Crédito: Daniel Ducci

Ao mesmo tempo em que possibilita uma leitura técnica, com plantas, cortes e desenhos, o livro se destaca pelo uso das imagens dos projetos como ampla narrativa onde, aqui e ali, emergem os conceitos que os definiram e as soluções que dali vieram.

Seguindo essa lógica são descritos o projeto Praça Pamplona – complexo que reúne um Teatro Digital, um edifício comercial, um centro de pesquisa, a Capela de Nova Serrana (MG) e o restauro do Edifício Sampaio Moreira – o primeiro arranha-céu da cidade e hoje sede da Secretaria de Cultura de São Paulo.

“Penso por palavras e por imagens, não por espaços ou por matéria. O que faço parece-me, quase sempre, produto de palavras ou de imagens que, de tão profundamente ocultas, foram lentamente condensando-se, adensando-se a um limite que as assemelha à matéria com a qual todas as coisas são feitas, talhadas em sua dureza até que se possa penetrá-las, até que se possa viver nelas”, completa o arquiteto.

Além destes aparecem a Residência Capobianco, o Power Center Regente Feijó, a Residência Orós, o Residencial das Jaboticabeiras, a Universidade do Distrito Federal, a Residência das Saíras e o campus Anália Franco da Unicsul, expondo a versatilidade do escritório.

Capela em Nova Serrana (MG). Crédito: Daniel Ducci

SAMUEL KRUCHIN: ARQUITETURA

ISBN: 978.85.54274-02-3

Páginas:

Preço: R$ 230

Lançamento “Samuel Kruchin: Arquitetura”

Data: 29/11

Horário: 19h

Local: Casa Tegra

Endereço: Rua Oscar Freire, 1009 – Jardins, São Paulo

Sobre a KRUCHIN Arquitetura

A KRUCHIN Arquitetura, escritório localizado em São Paulo e comandado pelo arquiteto Samuel Kruchin, atua em diferentes segmentos da Arquitetura, como urbanismo, em edifícios institucionais, residenciais e corporativos, somando a uma extensa experiência em projetos de preservação e restauro. Além disso, também conta com uma consistente produção acadêmica acerca dos inúmeros temas que o rodeiam. O escritório, ao longo de quase três décadas de atuação, angariou prêmios do IAB-SP, pelo projeto “EEPG Barão de Monte Santo”, o prêmio Categoria Patrimônio Arquitetônico pela 3ª Bienal Internacional de São Paulo (1997), da 5ª Bienal Internacional de São Paulo (2003) pelo projeto “João Cabral: Um Memorial à Poesia Brasileira”, e pela Revista Arquitetura & Construção (O Melhor da Arquitetura 2011) com a “Fábrica Santa Helena”. Em Preservação e Restauro, a KRUCHIN Arquitetura foi um dos primeiros escritórios no âmbito privado com atuação reconhecida, e as intervenções de restauro são entendidas como prática de arquitetura contemporânea. A KRUCHIN Arquitetura trabalha ainda com o desenvolvimento de planos urbanísticos, desenho de mobiliário, entre outros projetos para programas que se estendem de residências a edificações institucionais, e espaços comerciais. Dentro da Produção Acadêmica, destacam-se iniciativas pioneiras como a formatação de cursos específicos, tanto na graduação quanto na pós-graduação, visando o aperfeiçoamento técnico dos estudantes e dos profissionais na área de preservação e restauro. Entre as publicações já realizadas estão: “KRUCHIN”, com conjunto de obras em aço, editado pela J.J. Carol em 2006, “1000x Architecture of the Americas”, edição de 2008 pela Braun (Alemanha), e “KRUCHIN: uma poética da história – obra de restauro”, editado pela C4. www.kruchin.arq.br

 

Sem comentários

    Assine nossa Newsletter

    Assine nossa Newsletter

    Receba conteúdos exclusivos.

    Obrigado!

    Vamos conversar